A maior dor do vento é não ser colorido.
Mário Quintana  (via faz-sonhar)